Combate ao mosquito Aedes aegypti

Combate ao mosquito Aedes aegypti

Desde a última semana, o agente de vigilância da Secretaria de Saúde do GDF, Sr. Raimundo, está atuando junto ao Residencial Santa Mônica no controle da dengue, zika e chicungunha, Aedes aegypti. A previsão do GDF é de visita e revisão em todas as residências habitadas do Residencial.

Se o início do período chuvoso significa alívio paras os reservatórios, as pancadas preocupam pela incidência do Aedes aegypti. Ha poucos dias do verão, período mais crítico do ano para as infecções transmitidas pelo mosquito, a Secretaria de Saúde está em alerta para o controle da dengue, zika e chicungunha. Com os primeiros temporais, ocorre um aumento de insetos. Em 2017, 3,8 mil pessoas tiveram dengue no DF, sendo que 11 morreram. Planaltina, Ceilândia, Samambaia, Gama, São Sebastião, Santa Maria, Taguatinga, Recanto das Emas, Estrutural e Guará concentram os casos.

A Associação reitera a necessidade de manter as ações de controle constantes. Esse é um trabalho continuo e depende do apoio de todos os associados, uma vez que eliminar estes insetos não é possível, mas controlar a região de forma que a incidência não seja percebida pode e deve ser feito. O mais importante é manter a vigilância constante, especialmente em residências e obras. Faça a sua parte!

Combate ao mosquito Aedes aegypti
Avalie essa página
Compartilhe: